• Fábio Rabello

Hora de Planejar 2021

Já entramos em Novembro, reta final para fechar o ciclo anual, muito utilizado por empresas para contabilizar os resultados.

Mais do que administrar os resultados do ano que ainda está em curso, é hora de planejar 2021, somente dessa forma a empresa terá sua trilha programada, metas/objetivos claros e bem definidos e não ficará “à deriva”, seguindo as ondas provocadas pelo humor do mercado.

2020 foi (e está sendo) um ano surpreendente para os negócios, fortemente impactado pelo efeito Corona Virus, mas potencializado pelas instabilidades e polarizações políticas no Brasil e em todo o Mundo. Em meio a tantos fatores externos que mexem diretamente com câmbio, juros, investimentos, é fundamental entender em quais os prováveis ambientes viveremos no próximo ano e se preparar para alcançar bons resultados, independente do que aconteça.

Mesmo em um cenário caótico vivido nos últimos meses, alguns segmentos tiveram ganhos potencializados pelo auxílio emergencial que injetou, sim, um valor relevante na economia e ainda abocanhou uma fatia financeira que não pode ser absorvido por outras indústrias, como a do turismo e entretenimento, ainda que boa parte do mercado tenha sofrido perdas importantes. Em 2021, o ambiente externo insiste em grandes instabilidades. Mesmo empresas que hoje acumulam ganhos relevantes – como as que atuam no segmento de Casa, Construção, Reforma e Decoração – podem ter resultados diferentes se não se adaptarem ao novo momento, afinal, não sabemos o que efetivamente irá acontecer no segmento de mercado que atuamos.

Então, mais do que nunca o planejamento é fundamental. Considerar cenários de ambiente externo realistas, otimistas e pessimistas para, com base na análise do ambiente interno, planejar ações que levem aos objetivos definidos. Uma gestão detalhista, com métricas, processos e rotinas bem definidos e disseminados a toda equipe também é fundamental. A qualquer sinal que o mercado tomará um rumo diferente do que acreditamos e apostamos inicialmente, os ajustes devem ser imediatos.

É hora de colocar em prática o bom e velho processo de planejamento de mercado e adicionar ferramentas inovadores em seu plano de ação, em linha com o que os clientes esperam de sua empresa. Aí vai um breve checklist:

· Entenda claramente os Ambientes Externos e Internos prováveis para 2021

· Relacione as Oportunidade e os Desafios do Ambiente Externo, assim como os Pontos Fortes e Pontos Fracos do seu negócio.

· Liste atividades que o leve a absorver as Oportunidades do Mercado por meio dos seus Pontos Fortes, assim como outras que te fortaleçam ou mitiguem os riscos das Ameaças aos seus Pontos Fracos

· Coloque tudo em um cronograma, com orçamento.

· Planeje os resultados esperados em Faturamento dentro do cenário realista, pessimista otimista

· Defina os KPIs, pontos de controle que devem ser acompanhados para garantir ao alcance das metas

· Gerencie esses KPIs e, a qualquer sinal de desvio, ajuste suas atividades.

Conte com a Blue Note Marketing para auxiliar você no Planejamento de Mercado. Temos experiência em empresas de todos os tamanhos, de Multinacionais e Regionais.

Vamos tomar um café e falar mais sobre isso?


2 visualizações
 

©2014 Blue Note Marketing

  • LinkedIn ícone social
  • Facebook ícone social
  • Instagram ícone social
  • Pinterest
  • Twitter ícone social
  • YouTube ícone social